28 de maio de 2009

Casa-trabalho/Trabalho-casa II

Pronto, pronto! Não me odeiem. Há algumas desvantagens em morar e trabalhar na mesma zona. Especialmente quando trabalhamos numa função que nos permite ter um contacto muito próximo com a comunidade com baixa escolaridade e sobretudo com utentes do centro de emprego. Pois é: já entrevistei o vizinho do prédio ao lado e do andar por baixo do meu. Este último estava um dia atrás de mim na fila para pagar no Lidl e à frente, nesse mesmo dia, estava uma outra senhora que tinha orientado pouco tempo antes. Cruzo-me com pessoas com quem contacto no trabalho (e de quem passo a saber coisas tão íntimas como o facto de terem sido presas por posse de droga ou que sofrem de esquizofrenia, quando não são coisas bem piores) cruzo-me no supermercado enquanto compro produtos de higiene íntima feminina (é sempre nestes momentos, pois claro), nos concertos na cidade, nos cafés mais frequentados e até nas lojas onde compro roupa...Só estou para ver quando é que me cruzo com aquele simpático que rosnava e que tive que expulsar da sala aqui...Medooooooo! Acho que não sobrevivo a uma próxima vez...Ou então a ter que entrevistar a assistente da minha ginecologista (nãoooo!).
Mas, o que mais me custa é a quantidade de pessoas que andaram comigo na escola, algumas na minha turma. Pessoas que por opção ou por necessidade não terminaram os seus estudos e que estão em situações complicadas...Fico tão sem-jeito nos momentos de as entrevistar...Porque estou ali, no outro lado, com uma vida profissional estável e tranquila e eles, do outro, a tentar agarrar toda e qualquer oportunidade que lhes permita fazer frente à crise e a exporem a sua vida e as suas experiências a alguém que as conhece de um tempo em que os sonhos eram muitos e a vontade de os alcançar bem maior do que a dura realidade que agora enfrentam.
Gosto do meu trabalho, mas nem sempre é fácil desempenhá-lo...
Mas mesmo depois disto tudo, continuo a amar trabalhar tão perto de casa!

14 comentários:

  1. Bê, dizes "Gosto do meu trabalho, mas nem sempre é fácil desempenhá-lo". Mas isso seria quer trabalhasses perto ou longe de casa, certo?
    Então mais vale ser com vantagens de trabalhares perto de casa.

    Eu fico contente por haver pessoas como tu que gostam do que fazem e são felizes por isso. Um bom exemplo e uma mensagem de esperança para quem não é. Claro que cada um vê exactamente como quer ver: pode odiar-te ou ver o teu exemplo como gatilho para se encontrarem.

    ResponderEliminar
  2. Oh... isso não é um contra... é uma circunstancia! :p

    Nah nah nah nah... mesmo no teu caso, viver perto do trabalho é priceless. ;)

    ResponderEliminar
  3. Nao me importava de trabalhar mais perto de casa, nao vejo onde estao os inconvenientes. Entendo que seja complicado o que descreves-te neste segundo post mas nao tens culpa, as circusntancias da vida assim obrigam.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  4. pois, apesar disso continuo com aquele bocadinho de inveja da boa :)

    ResponderEliminar
  5. Eu trabalho a 10m de minha casa e é mt bom... e ha imensas vantagens mas compreendo o teu ponto de vista e ate concordo com ele..

    bijus***

    ResponderEliminar
  6. acho que no teu caso é mais o tipo de trabalho que tens que pode trazer essa "desvantagem" aparente, pk tem como consequência uma proximidade da tua realidade profissional e a privada e pessoal.
    mas tenho certeza que consegues gerir isso e o preferes a ter de suportar filas de trânsito e todas as desvantagens de estar longe do local de trabalho.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Blue C - é isso mesmo, seja perto ou longe, os aspectos que me incomodam vão estar sempre presentes e sim, adoro o que faço e é como dizes -isso é tão raro que é de reconhecer,

    Gingerbead Girl - concordo, não tem preço!

    Miepeee - é isso mesmo.

    Hermione - pois...na verdade as vantagens compensam tudo o resto ;)

    P* - depende do tipo de trabalho, lá está, mas, como já referi, continuo a preferir estar aqui, bem pertinho ;)

    art.sou - é isso mesmo - está sobretudo relacionado com o trabalho e não com a proximidade...

    ResponderEliminar
  8. nem tudo é perfeito! mas é perfeitamente maravilhoso amar o que se faz e como se faz:)

    ResponderEliminar
  9. pois, nem tudo são rosas, mas mesmo trabalhando a quilométros de casa poderia acontecer te cruzares com um colega da escola ou um vizinho, não há como evitar determinadas coincidências da vida!!!

    ResponderEliminar
  10. realmente deve ser complicado lidar com tanto people conhecido :P

    ResponderEliminar
  11. Pois, isso poderá ser uma desvantagem. Mas é tentar ao máximo separar esses dois "mundos". Quando és psicologa, és psicologa. Quando és vizinha, és vizinha :P

    ResponderEliminar
  12. Continuo a achar muito bom viver perto do trabalho...


    Bom trabalho, querida!

    Hoje safei-me de sair também às 22h =)

    ResponderEliminar
  13. Mas que grande sortuda! Tem o trabalho que gosta e ao lado de casa...bem, isso é quase tão bom como ganhar a lotaria!Ainda bem que tens essa sorte, hoje em dia a maioria das pessoas tem trabalhos de que não gosta e ainda tem de aguentar o transito! Desejo muito ter a mesma sorte que tu!

    ResponderEliminar

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins