3 de julho de 2009

Opções

E quando temos duas opções na vida:

Sermos o braço direito de alguém e, por isso mesmo, estarmos sempre protegidos, acabando por levar uma vida bem tranquila, mas fugindo ao que acreditamos e aos nossos valores, correndo mesmo o risco de prejudicarmos os outros;

OU
Mantermo-nos fiéis a nós próprios, aos nossos valores e crenças, lutando pelo que acreditamos e consideramos justo, mesmo que isso implique passarmos de braço direito a unha encravada...
Qual a melhor opção? - Discussão para o próximo post. Porque há dias em que não me apetece mesmo escrever mais nada...Porque há dias em que desanimo e me sinto frustrada, porque ainda quero acreditar que o mundo é um lugar justo, mas parece-me exactamente o contrário...porque há dias em me apetece largar tudo e partir para outra. Hoje é um desses dias...

27 comentários:

  1. Também tenho dias assim!
    Quanto às opções,não me parece que ires contra aquilo que és, só para de braço, não passares a unha, te faça um braço mais feliz! A vida é feita das justiças e injustiças, que vamos cometendo... nós e os outros... e depois há o factor X, o inesperado, improvável e inexplicável! Talvez por isso não te apeteça escrever... há coisas assim, sem descrição possível! Melhores dias virão... mais animados e iluminados! Mas lembra-te... podes ser direito ou esquerdo... mas nunca deixes de ser quem és! Isso não tem preço! ;)

    ResponderEliminar
  2. Força rapariga !!
    Quem esta malk que se mude e tu nao deixes nunca de ser honeste e integra.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  3. Sabes, Bê... Acho que acima de tudo deveremos ser a esquerda e a direita de nós próprios. Manter o equilíbrio.
    Há dias que padeço da mesma situação. Há dias em que me pergunto se a realidade que me envolve prima pela justiça, nas várias vertentes da minha vida. E concluo que não. Cada vez mais a justiça se encontra de olhos vendados e boca amordaçada, e quem não faz igual figura está pura e simplesmente out.
    Não estou a ser pessimista... Mas o sistema está podre, acredita-me. E cheira mal. Uma eventual "tranquilidade" no meio deste cheiro nauseabundo não é para mim... E para ti também não o será certamente.

    ;)

    ResponderEliminar
  4. Sabes, ás vezes eu também sou assim, o meu namorado por vezes diz que eu vivo num mundo feito por mim e que a realidade é bem diferente... ao que eu respondo-lhe "se é assim então deixa-me viver feliz neste mundo"..

    **

    ResponderEliminar
  5. todos temos dias assim...
    a resposta à tua pergunta é mto simples: fazer o k nos torna mais feliz

    ResponderEliminar
  6. ai caraças hoje é só pessoal com dilemas complicados! e logo hoje que também estou a ter um dia daqueles :P força Bê!

    ResponderEliminar
  7. Hoje também estou num daqueles dias... FORÇA.
    M.

    ResponderEliminar
  8. já dizia a whitney antes de se levar pelas drogas...

    I decided long ago, never to walk in anyone's shadows
    If I fail, if I succeed
    At least I'll live as I believe
    No matter what they take from me
    They can't take away my dignity
    Because the greatest love of all
    Is happening to me
    I found the greatest love of all
    Inside of me

    e termina assim

    And if by chance, that special place
    That you've been dreaming of
    Leads you to a lonely place
    Find your strength in love

    onde estará esta whitney? não acreditou nas palavras que cantou nitidamente... a dignidade dela ficou pelo caminho

    ResponderEliminar
  9. Acho que devemos sempre tentar ser fieis a nós próprios o problema é que isso às vezes tem consequências menos boas..

    Força!

    BJS*

    ResponderEliminar
  10. Não gosto lá muito de unhas encravadas... De qq forma, pode ser só um efeito acentuado do dia não... Todos temos.

    ResponderEliminar
  11. é sempre o risco. mas quanto vale arriscar (ou nao?)
    pensa!

    ResponderEliminar
  12. O problema é termos tantas escolhas em que decididamente a balança pesa conforme os dias.. há dias em que me sinto a maior capaz de tudo, íntegra, justa e verdadeira.. outros sinto que ninguém dá valor ao facto de sermos assim de lutar por aquilo que queremos e acreditar..dilemas..
    Força e sê o que és :)
    beijinhos*

    ResponderEliminar
  13. Apenas quero dizer: Força!

    Estamos aqui!


    =)

    ResponderEliminar
  14. E que tal equilibrar as duas coisas, de maneira a que te sintas feliz!? :)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  15. oh, de nada Bê!
    acho k partilhamos os mesmos valores, pelo que leio, revejo-me nas tuas divagações.
    nunca duvides deles e usa-os para tomares decisões... às vezes podemos dar com a cabeça na parede mas "what doesn't kill you, can only make you stronger"
    ;) bom dim de semana

    ResponderEliminar
  16. Sou sempre fiel a mim própria é comigo que viverei até ao fim dos meus dias! :)

    beijinhoss

    ResponderEliminar
  17. segunda opção! mm q haja dias em q se perca e energia. força aí!

    ResponderEliminar
  18. Confesso que gostaria imenso de te ajudar, ou dar uma sugestão, mas neste momento ando a passar pelo mesmo....:S

    ResponderEliminar
  19. Oh...*free hug*. O que vale é que dias assim também acabam...E pode ser que no dia seguinte tudo pareça absolutamente claro (e mais colorido=D)

    *

    ResponderEliminar
  20. como alguém ja disse em cima o melhor querida B é equilibrar as duas formas de estar...
    talvez nao seja o melhor para a consciencia mas talvez ajude a ter mais paz de espírito...

    ResponderEliminar
  21. Este post tem continuação...terei que dissertar sobre as minhas dores, perante leitores tão próximos que me dão conselhos tão bons e sinceros. Obrigada a todos, por fazerem parte deste blog e da minha vida!

    ResponderEliminar
  22. Nunca deixes de acreditar em ti :)
    Força querida
    Jinhus

    ResponderEliminar
  23. A felicidade é algo que ganha forma dentro de nós e que consequentemente altera o nosso meio circunvizinho, a nossa vida! O contrário raramente acontece.
    Uma vida que vai contra o que somos nunca é estável, nunca é segura e nunca é nossa!

    Um beijo e boa sorte! *

    ResponderEliminar
  24. Acredito que uma pessoa deverá ser sempre fiel á sua consciencia, e nunca deverá abdicar dos seus principios basicos. Acredito que são esses mesmos principios que serão valorizados um dia que tenhamos de fazer uma opção dessas. Por isso questiono-te: se assim for o teu caso, porquê agora mudar?

    Bjooooooooooooos

    ResponderEliminar
  25. Na vida há que tomar decisões, só assim é que evuluimos.
    E que tal passar de "protegida a protectora"? Alguém tem de tomar o leme, para que a rota se mantenha, e se for essa a opção, porque não?
    o que é preciso é Saudinha da boa!

    ResponderEliminar
  26. =( Oh... Dia mau... espero que passe depressa.

    ResponderEliminar

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins