21 de setembro de 2012

O amor nas coisas simples da vida

O toque dele a meio da noite. Um beijo na minha cara, uma festa nas minhas costas. Puxar o lençol, para me tapar e abraçar-se a mim, por vezes julgando-me adormecida. Porque o amor, mais do que nas palavras, está muitas vezes nos (aparentemente) pequenos gestos.

17 comentários:

  1. Aw lindo <3, não podia concordar mais :) *

    ResponderEliminar
  2. Invitación

    Yo soy brasileño, y tengo un blog, muy simple.
    Estoy lhe invitando a visitar-me, y se posible, seguimos juntos por ellos.
    Fuerza, Alegría y Amizad.
    Ven para acá.

    http://www.josemariacosta.com

    ResponderEliminar
  3. É tão bom :') felizmente sei o que é isso mas infelizmente também sei o que é ter saudades disso...

    ResponderEliminar
  4. é mesmo verdade. é nesses pequenos gestos e noutros que tais que se vê a veracidade da palavra amor :)

    ResponderEliminar
  5. Está-se mesmo a ver que a noite hoje foi divertida.

    ResponderEliminar
  6. Esses pequenos gestos tornam as coisas tão mais especiais. :)

    ResponderEliminar
  7. Costumo usar muito uma frase que li algures que é: o amor vive do pormenor. E é verdade. O amor alimenta-se desses e muitos outros detalhes. Detalhes que se tornam especiais e únicos.

    Beijinho ♥

    ResponderEliminar
  8. Nem mais!Podiam ser palavras minhas :)

    ResponderEliminar

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins