23 de março de 2013

Porque há histórias com finais felizes

Esta é a história da Pipa, cuja curta história conhecida por mim, partilhei convosco por aqui. Ficam as imagens dela, para verem como é um doce, embora só mostre verdadeiro à vontade comigo - para já ainda foge de todos os outros, mas creio que talvez seja por ter sido mal tratada e ainda estar a adaptar-se a uma nova vida, completamente diferente da anterior. Uma fofura, não é?
Bom fim de semana a todos, cheio de sorrisos!
 




7 comentários:

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins