29 de maio de 2013

Facto!

Quanto mais agressivo e/ou maldoso é o comentário anónimo, mas pena tenho da pessoa por trás do mesmo. Sem a conhecer. Sem imaginar quem seja. No início irritava-me. Agora percebo que não é esse o sentimento correcto. É que para alguém se dar ao trabalho de ficar infeliz com a felicidade alheia ou de tentar provocar através da maldade, é porque com certeza tem uma vida muito vazia de sorrisos e de alegrias. Só lhes posso desejar que um dia a vida lhes seja tão boa, que apenas tenham vontade de distribuir bons sentimentos, boas vibrações. Porque acredito nas pessoas e acredito que todos erramos e todos podemos melhorar.

8 comentários:

  1. Não percebo! Não percebo com existem pessoas a perder tempo com estas coisas. Infelizmente são pessoas de mal com a vida, infelizes.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, cada vez mais tenho a certeza disso. Beijinho para ti.

      Eliminar
  2. Acho que nem merecem tanta análise, querida. São pura maldade, a maioria. Não permitas comentários anónimos, se te têm chateado. Deve ser frustrante para eles (e sais a ganhar de qualquer forma) **

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acredita que os verdadeiramente maldosos, eu não aceito. Não recebo assim tantos quanto isso e é uma coisa muito, mas mesmo muito recente. Mas os poucos que são, às vezes conseguem ser do piorio.

      Eliminar
  3. O quê? Mas recebes comentários maldosos?! Oh pessoas sem vida só pode!! Eu cá desejo-te tudo de bom querida Be. Não te conheço, mas não sei bem porque, és umas das poucas blogger com quem sinto uma ligação. :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Poucos, recentes, mas maus minha querida. Por isso hoje deixei esta mensagem. Não deixarei mais nenhuma do género - não vel nem a pena. Obrigada pelas tuas palavras - já te acompanho há tantos anos que percebo o que dizes ;-)

      Eliminar
  4. Bêzinha, é daquelas coisas que não valem a pena. Eu agora estou numa de receber anônimos brasileiros, Oh Vida! Agora também aparecem do outro lado do oceano LOL

    ResponderEliminar
  5. Boa análise querida Bê.
    Também costumo receber alguns, se bem que há mais de 2 3 meses que não recebo.
    Não falo deles, não os aprovo, e mal os leio.
    Dizem coisas tão mas tão absurdas, que se nota mesmo que se trata de gente desesperada por atenção, por amigos, por animação, por uma vida... e se me permites dizer.... por uma boa queca!
    Afinal o nosso tio Freud não disse que o sexo é uma das necessidades básicas do homem?
    Pronto falta-lhes suprimir essa necessidade e... olha tchau laura. Caga nisso mulher és feliz apesar das adversidades da vida e o resto que se quilhe.

    ResponderEliminar

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins