5 de setembro de 2013

Bom dia pessoas!


Por aqui a dieta continua em grande estilo. Tenho-me portado que nem uma linda e nem mesmo quando fui jantar fora dei um passo fora da linha - grelhados e legumes e nada de vinho! Mas o ideal é mesmo comer em casa ou levar comida de casa para o trabalho - já se sabe que se nos apanhamos num cafezinho, só apetece encher a barriga de bolinhos ou pão fora de horas (só posso comer ao pequeno-almoço). Por isso mesmo, levo o lanche para o trabalho (muito chá, iogurte magro, queijo em triângulo magro e bagas de goji) e almoço em casa. Cozinho com mais tempo e paciência, porque importa comer o que me faz bem e sacia.
 
Dica do dia: Tornar a nossa dispensa e frigorífico nos nossos melhores amigos. Nada de alimentos aos quais não temos qualquer resistência. Se forem como eu que, em determinadas fases da minha vida, basta a simples lembrança de que existe um pacote de bolachas por casa e não descanso enquanto não dou cabo dele num tirinho, têm que ter esta regra em atenção. Não tenho sumos de pacote, nem barras de cereais, nem chocolates, nem massa, coisa que adoro. Nada que me tire do sério. Porque embora eu seja uma pessoa muito controladinha e forte quando tomo estas decisões (anda por ali um geladinho no congelador, mas eu nem me chego perto), todos temos aqueles momentos mais carentes, em que necessitamos de uma guloseima para nos adoçar a alma.
Saldo dos 4 dias: Continuo sem ter passado nem um minutinho de fome! O peso partilho quando fizer uma semaninha de dieta, que é para seguir as regras da Dr.ª :-) 

2 comentários:

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins