6 de novembro de 2014

Preciso da vossa ajuda - apelo

A maior parte de vocês sabe que sou verdadeiramente apaixonada por animais. Sempre fui e nem a idade me altera esta minha paixão e esta minha necessidade de os ajudar a todos, sem excepção. No mês passado partilhei convosco a história de um bebé gato mal tratado e em estado grave e vocês foram fantásticos nas partilhas, nas palavras, no carinho e no apoio que me deram. Hoje o Flashe está gordo, feliz e saudável, junto de uma família seis estrelas (como ele merecia).
Talvez isso me tenha dado forças para o que se segue hoje, para este meu grande pedido de ajuda. A minha família desde alimenta desde sempre gatos de rua. Tratamos deles sempre que necessário, fazem parte da nossa rotina e da nossa vida. Damos-lhes caminhas, alimentamos e há uma colónia, a que costumo chamar a colónia Pulga, que se multiplica em gatos (porque não temos como castrá-los a todos), mas também em carinho e que vivem alegremente na rua da casa onde a nossa família se reúne regulamente. Gatos de rua, que nunca entraram numa casa, mas que me recebem todos os dias, cada um à sua maneira. Uns mais doces e atrevidos, outros mais fugidios e tímidos, mas todos com o reconhecimento no olhar e uma confiança que vai crescendo de dia para dia.  
Nos últimos dias, o que primeiro julgámos tratar-se de um envenenamento, mas que se revelou como um vírus forte e potencialmente mortal, levou-nos tão rápida quanto inesperadamente, três das nossas estrelinhas, uma delas a gatinha do meu coração, que eu tanto adorava. Como pensámos tratar-se de envenenamento, acompanhámos todos os outros, que no dia seguinte estavam aparentemente bem. Mas um dia depois uma das gatas mais selvagem e arisca, estava apática, prostrada, quase sem reacção. Quando consegui pegar nela percebi que não podia estar bem e os miados baixos, quase inaudíveis só o comprovavam. Estava em sofrimento. Agarrei nela e percebi que uma das outras gatas, uma das meninas mais doces e meigas, estava também mais em baixo. Acabei por levar as duas para o hospital veterinário principal.
Um dia depois e o prognóstico não era nada bom. Sangue nas fezes, altas temperaturas, apatia, vómitos, falta de apetite. Ontem, mais uma das bebés que lá vivia, foi também levada, porque começou a mostrar os mesmos sintomas. Mais uma das que dificilmente conseguíamos apanhar, porque foi levada pela mãe já com um mês, e que entrou numa apatia assustadora. Hoje levámos a quarta gatinha bebé. Bebé demais para estar a passar por tudo isto. Ao contrário das outras, em vez de febre, estava em hipotermia, prestes a morrer.
Temos neste momento 4 gatinhas, duas jovens de cerca de 8 meses e duas bebés de cerca de mês e meio internadas. Uma delas a melhorar e com possível alta amanhã, outra (a preta e branca, a mais doce e comunicadora das gatas de rua) muito mal, sem sabermos se vai sobreviver ou mesmo se terá que ser abatida para não sofrer mais e duas pequeninas que aguardamos saber o que se passa em concreto e se o quadro melhora.
Como podem imaginar, estou de coração partido nas mãos. Mal tive tempo de recuperar da morte das três gatinhas… Estou a ter uma semana muito dolorosa para mim, tanto quanto o pode ser querer fazer mais e não poder. Sofro pelas que morreram, pelas que estão doentes e pelos que desapareceram e que não sabemos se estão bem. Em tantos anos a tratar deles e nunca vivi uma tragédia assim.
Neste momento a conta de veterinário chega já aos 300€. Sem contar com o dia de hoje (internamentos, medicação, análises e mais uma menina a chegar) e preciso de ajuda. Preciso mesmo de ajuda e quem me conhece sabe que só o peço porque não tenho como pagar tudo. Uma amiga está responsável por uma delas, mas as outras estão por minha conta. A minha situação financeira actual é complicada e não sei quanto mais terei que gastar para salvar estas meninas. E tudo farei para poder salvá-las, para que não lhes falte tratamento.
Por isso apelo a todos vós, a todos os que possam ajudar – seja de que forma for. Com uma transferência, com partilhas deste post, com palavras amigas que me confortam nestes momentos, com reiki… E preciso também de famílias, para as meninas que estão a melhorar. A primeira a adoecer e que está prestes a ter alta, tem já uma família de acolhimento (tão grata querida Gi), mas precisamos de um dono, porque  não queremos devolvê-la à rua que quase a matou. Uma das bebés também já tem uma dona (querida Catarina) e talvez a mana vá com ela. A preta e branca, que eu rezo para que se salve, não tem dono ou fat até ao momento.
Deixo-vos o contacto do hospital veterinário principal, da Charneca da Caparica, onde elas estão, para que, caso o entendam e caso partilhem junto de pessoas que não me conhecem, possa ser confirmado o internamento e a situação das gatinhas. Como são gatas de rua e no calor da urgência, estão com os seguintes nomes: Preta e Branca, Tigrada, Farrusca e Preta.
Os Contactos: 212974997/212974943

Informar@hospvetprincipal.pt / consultorio@hospvetprincipal.pt

Caso possam ajudar monetariamente, com um euro que seja, enviem e-mail para barbaracreal@gmail.com
Agradeço toda e qualquer ajuda, seja monetária, seja por partilha em blog ou facebook para que este meu apelo chegue a mais e mais pessoas.

Grata, de coração e alma,






 
(Falta a foto da pretinha que entrou hoje, mas quando fui com elas até às boxes não levei o telemóvel. Mas posso assegurar que é linda.)

4 comentários:

  1. Bê... vivo fora de PT, para fazer 1 transferência tiram-me metade do dinheiro q enviar. Se te enviasse 200 euros tinha que transferir 400.

    Sou como tu, já tirei montes de cães da rua, levei vários ao veterinário e arranjei donos. Esfolo-me pelos bichos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, fazeres o que fazes já é a maior das ajudas. Já recusei donativos por parte de outras pessoas que fazem o mesmo e que têm imensas despesas com animais de rua. Todos por uma causa ❤

      Eliminar
  2. Já contribuí, não foi muito mas espero que tenhas tido mais ajudas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha querida, foi muito sim. Porque foi de coração e todas as ajudas contam e valem o mesmo. Um grande obrigada ❤

      Eliminar

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins