21 de novembro de 2016

No fim de semana, foi assim:

Fim de semana de temperaturas mais baixas e temporal, não foi desculpa para não o aproveitarmos como deve ser. Sábado rumámos a um bom restaurante com os nossos amigos mais queridos e depois, passeámos pela mágica Sintra, onde não me canso de ir. Não fomos aos travesseiros (não sou grande fã) mas sim às queijadas, que adoro. 
Comemos tanto e tão bem, que o nosso jantar foram castanhas, queijo e vinho, com os nossos gatos felizes por estarmos em casa e por poderem aninhar-se em nós. De seguida, um filme que me comoveu até à medula: A Rapariga Dinamarquesa, com um Eddie Redmayne a mostrar porque é tão espectacularmente maravilhoso e como se entrega tanto aos papéis que desempenha. Fico com aquela sensação de que quando o vir novamente, não o vou conseguir dissociar da personagem que interpretou, mas a verdade é que já o tinha sentido antes quando vi a Teoria de tudo. A Rapariga Dinamarquesa não só é um filme de interpretações maravilhosas (também a Alicia Vikander a dar cartas, uma vez mais) e baseado numa história comovente e verídica, como tem momentos em que tudo parece uma pintura bem emoldurada e com cores subtilmente perfeitas, mostrando-nos uma Dinamarca boémia e muito mais aberta nos anos 30, do que este nosso cantinho à beira mar plantado. Na história real, o Eine Wegener conseguiu mudar a sua identidade e passar a ser a Lili Elbe, conseguiu documentos com a sua nova identidade e fazer várias operações para mudar de sexo. O que o filme não mostra, é que na realidade morreu após a sua 5.ª cirurgia, numa tentativa de transplante de útero. Alma corajosa, que não conseguiu o seu final feliz. 

Por Sintra: 






Imagens maravilhosas do filme, como quadros perfeitos:






Bem sei que meio mundo já viu o filme há séculos, mas nós andávamos a adiar este há algum tempo, talvez desencantados com muitos dos filmes oscarizados e que depois não nos enchem as medidas. 

Para todos, uma semana feliz, cheia de sorrisos.

9 comentários:

  1. Também adorei o filme ♥ o meu fim de semana foi passado com a pequena no hospital mas felizmente já está melhor :) Boa semana Bêzinha :*

    ResponderEliminar
  2. Esse ainda está em lista de espera, mas tenho imensa curiosidade!

    ResponderEliminar
  3. Boa semana :)

    Ainda não vi o filme, mas fiquei ainda com mais vontade de ver depois do teu post :)

    Beijo**

    ResponderEliminar
  4. Confesso que nunca vi o filme mas gostava... um beijinho

    ResponderEliminar
  5. Caramba, que filme tão forte, que história poderosa... vou anotar!!

    ResponderEliminar
  6. Eu adoro Sintra, desde que no meu 11 ano fizemos um roteiro queirosiano. Voltei várias vezes e sinto sempre a magia. Boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também foi numa visita da escola que me apaixonei por Sintra e volto lá com bastante regularidade. É sempre mágico, e há sempre algo de novo a ver :-)

      Eliminar

Aceitam-se elogios, críticas, gargalhadas, lágrimas, sorrisos e afins